sexta-feira, 11 de abril de 2014

Cerca de 27 municípios paraibanos envolvidos na transposição do São Francisco recebem recursos extras

Municípios da PB envolvidos na transposição do São Francisco recebem recursos extras
A Funasa, por meio da Superintendência Estadual na Paraíba (Suest/PB), em parceria com o governo do estado, celebrou a formalização do Termo de Compromisso nº 0809/2007 no valor de R$ 8.580.000,00. Os recursos serão utilizados na elaboração de projetos de engenharia, com o objetivo de beneficiar 51 municípios localizados nas bacias da transposição do Rio São Francisco.

Serão construídos 51 sistemas de esgotamento sanitário e 28 sistemas de abastecimento de água. A fiscalização e o acompanhamento dos projetos será realizada por engenheiros da Fundação e pela empresa de supervisão de obras.

Segundo o chefe da Divisão de Engenharia de Saúde Pública (Diesp), Osvaldo Balduíno Filho, obras de sistemas de esgotamento sanitário estão sendo realizadas nos municípios de: Coremas, São Bento, Belém do Brejo do Cruz, São José de Piranhas, Serra Branca, Taperoá, Livramento, São José dos Cordeiros, Coxixola, Caraúbas, Cabaceiras, Monteiro, Sumé, Serra Branca, Pombal, Santa Luzia, Bonito de Santa Fé, Brejo do Cruz, Quixabá, Vista Serrana, Marizópolis, Prata, Cacimbas, Carrapateira, Barra de São Miguel, São João do Rio do Peixe e São José do Brejo do Cruz.

O ministro da Integração, Francisco Teixeira, visitou trechos da transposição na área de Monteiro, no Cariri paraibano no dia 27 de março. De acordo com o secretário de Recursos Hídricos, Meio Ambiente, e Ciência e Tecnologia (Serhmact), João Azevedo, o estado tem buscado recursos para iniciar as obras em todas as cidades, porém no ano passado só foram aprovados os projetos em onze localidades. Régis Brito

Projeto desenvolvido no Câmpus de Catolé do Rocha pretende gerar cadeia produtiva de pinhão manso e girassol


O projeto está sendo desenvolvido graças a uma parceria que a UEPB firmou com a Embrapa Algodão

O Câmpus V da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), em Catolé do Rocha, está desenvolvendo experiências de campo que visam melhorar a qualidade de plantas capazes de gerar uma cadeia produtiva na região. As experiências práticas realizadas dentro do “câmpus fazenda” têm procurado encontrar formas de impulsionar a economia do Sertão paraibano. Atualmente está em fase de experimento um trabalho que visa descobrir o potencial econômico do pinhão manso.
Iniciado no começo deste ano, o projeto está sendo desenvolvido graças a uma parceria que a UEPB firmou com a Embrapa Algodão. Para isso, cinco procedências de pinhão manso foram inicialmente plantadas na área. As sementes cultivadas já floresceram e hoje a área ocupada por pinhão conta com cerca de 100 plantas. O professor Josemir Maia, responsável pela pesquisa, conta que inicialmente será produzido um banco de germoplasma, que são unidades conservadoras de material genético da planta.
Ele explica que a Embrapa Algodão dispõe de uma coleção de sementes de diversas procedências que estão envelhecendo e precisam ser renovadas a cada ano. Para que sempre existam sementes novas, a empresa recorreu ao potencial do Câmpus IV da UEPB, garantindo, assim, a produção de novas plantas a serem utilizadas em futuras pesquisas.
A partir deste ponto, a UEPB tem a pretensão de aproveitar o experimento para realizar projetos de iniciação científica, fazendo testes em diversas áreas. O professor releva que o foco é extrair o óleo da planta para a produção de biodiesel. “Estamos trabalhando para gerar economia com esta planta”, destacou o professor, acrescentando que o pinhão manso tem uma grande diversidade de produtos, podendo ser utilizado para formar toda uma cadeia produtiva, como a fabricação de tortas para ração animal e até atividades medicinais, anti-inflamatórias e anticancerígenas. Como são plantas perenes, que sobrevivem em período de longa estiagem, as plantas podem ser cultivadas durante todo o ano.
Girassol adaptado ao ambiente do semiárido
O Câmpus de Catolé do Rocha também está desenvolvendo uma pesquisa que visa adaptar o girassol ao ambiente do semiárido paraibano. Sob a responsabilidade do professor Josemir Maia, a pesquisa, realizada graças uma parceria firmada entre a UEPB e a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), já começa a dar resultados. Professores e estudantes realizaram um ensaio inicial com 10 genótipos de girassol (composição genética da planta), recomendados pela Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte, pela UFRN e pela Embrapa Algodão.
Inicialmente eles plantaram as espécies de girassol e, com a perspectiva de ver a planta se transformar em uma grande fonte de renda para a região, aprofundaram as pesquisas, estudando a fisiologia da planta. Para isso, os pesquisadores pegaram os cinco genótipos mais produtivos do ensaio anterior e replantaram para confirmar a potencialidade da espécie.
O objetivo é explorar o potencial da planta como forma de impulsionar a economia da região sertaneja, já que Catolé do Rocha tem especialidade nos campos da agricultura e da pecuária. O girassol, conforme destacou o professor, é uma fonte muito grande de proteínas, podendo ser usado para extrair mel e para a produção de torta e outros produtos. A própria folha e o caule da planta também podem ser usados para a produção de ração animal, fortalecendo a pecuária da região.
A pesquisa também está sendo desenvolvida no sentido de realizar a extração do óleo de girassol, que pode gerar inclusive interesse da indústria de biodiesel. “Nesse sentido, a Universidade pode, no futuro, firmar parceria com uma refinaria de petróleo que funciona em Mossoró (RN). Mesmo a produção de girassol sendo pequena na região, ela pode dá origem a toda uma cadeia produtiva”, observou o professor.
Além do professor Josemir Maia, estão envolvidos no projeto o professor Edivan Silva Nanes Junior, diretor do Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA); a professora Elaine Gonçalves e estudantes do Câmpus IV.
UFCG
Régis Brito

Ricardo Coutinho inaugura mais duas rodovias na região do Cariri nesta sexta-feira


O governador Ricardo Coutinho inaugura duas rodovias no Cariri paraibano, nesta sexta-feira (11). Às 15h, ele entrega a PB-196, na cidade de Camalaú. Em seguida, às 16h30, participa da solenidade de inauguração da PB-214, no município do Congo.

Data: 11/04/2014

Hora: 15h - Inauguração da PB-196 – Camalaú/Congo

Local:Av. São José, S/n – Centro – Camalaú-PB (Centro de Eventos)

Hora: 16h30 - Inauguração da PB-214 – Congo/divisa com Pernambuco

Local:Avenida Senador Ruy Carneiro, S/n – Centro – Congo-PB (Ginásio “o Povão”)
Régis Brito

sexta-feira, 4 de abril de 2014

Cássio rejeita definitivamente aliança com RC e revela ameaças da Secom

Senador reafirma elegibilidade e diz que disputará eleições para governador

 O senador Cássio Cunha Lima reafirmou em entrevista concedida à Rádio Correio, hoje (04), em Campina Grande, que é elegível para o cargo de governador nas Eleições de 2014. Cássio enfatizou que mesmo que ficasse inelegível por oito anos, teria cumprido a sua punição cinco dias antes da eleição deste ano.
O senador rejeitou definitivamente a aliança com o governador Ricardo Coutinho. "A aliança está descartada. O PSDB apresentará uma pré-candidatura própria", disse.
Na ocasião, Cássio voltou a criticar a administração de Ricardo. “O maior êxito do governador é dar continuidade às obras iniciadas por outros governos". Cássio falou ainda que o governador investe em propaganda e não investe em Campina Grande. “Os prestadores de serviço estão sendo ameaçados descaradamente, além de que o governo se recusa a conversar com a UEPB e pelo quarto ano anuncia obras no açude de Bodocongó.”
Cássio destacou também, "se você for ouvir o governador, ele diz que está tudo bem na segurança e quer impor através da propaganda que está tudo bem. Se você fizer uma crítica mais séria, recebe uma ameaça do secretário de comunicação".
Reunião da Comissão Executiva Estadual – PSDB
O PSDB também realiza hoje (4), em Campina Grande, a quarta reunião da sua Comissão Executiva Estadual que tem como objetivo definir o posicionamento partidário para as eleições de 2014. Nas reuniões anteriores, por unanimidade dos filiados presentes, a decisão foi pela candidatura própria do partido para o governo do Estado.
O encontro do diretório do PSDB será a partir das 10h, na sede da AABB, próximo ao Parque do Povo, em Campina Grande e após a reunião, a direção partidária concederá, no mesmo espaço, uma entrevista coletiva à imprensa.
A primeira reunião foi realizada em Patos, a segunda em Guarabira e a terceira em Mamanguape, sempre seguindo a lógica de uma cidade polo para onde os diretorianos do PSDB das cidades circunvizinhas se deslocam.
Ainda nas reuniões anteriores, o nome do senador Cássio Cunha Lima foi escolhido, também pela unanimidade dos presentes, como o pré-candidato que o partido deve defender no período das convenções partidárias, cujas datas já estão definidas no calendário eleitoral, entre os dias 10 e 30 de junho.
Para o presidente estadual da legenda, deputado federal Ruy Carneiro, o que impressiona nas reuniões partidárias que o PSDB tem realizado é a frequência e participação dos filiados. “Nas reuniões do PSDB observo que as pessoas querem participar mais da vida partidária e estão decididas a contribuir de forma decisiva da vida política, o que é bastante salutar para a democracia”, disse. Nos próximos dias serão divulgadas as cidades e datas que sediarão os novos encontros do diretório estadual do PSDB.

Redação com Assessoria e Rádio Correio
Régis Brito

segunda-feira, 17 de março de 2014

Banco do Nordeste responde por mais da metade dos créditos do Crescer



Estado da Paraíba recebeu mais de R$ 607,4 milhões em desembolsos

O Banco do Nordeste é responsável por mais da metade dos empréstimos do Programa Nacional de Microcrédito (Crescer), lançado há dois anos e meio pelo Governo Federal.

De acordo com sua Área de Desenvolvimento Sustentável e Microfinança, o Banco desembolsou R$ 7,1 bilhões no âmbito do Crescer, por meio de seu programa de microcrédito produtivo e orientado, Crediamigo. O valor representa 56,8% dos R$ 12,5 bilhões já emprestados em todo o país.

Somente na Paraíba, foram mais de 526 mil operações contratadas e R$ 607,4 milhões desembolsados através do Crediamigo, que mantém uma carteira ativa de 110 mil clientes enquadrados no Crescer no Estado.

Atualmente, o Crediamigo tem 1,4 milhão de clientes ativos enquadrados no Crescer, já tendo passado pelo programa 2,1 milhões de pessoas. O índice de inadimplência, de 0,85%, é um dos menores do Sistema Financeiro Nacional. Do total de empreendedores ativos, 67,5% são mulheres.

Para 2014, a previsão é de mais R$ 2,65 bilhões em empréstimos de curto prazo aos micro e pequenos empreendedores pelo Crescer, com taxa de 5% ao ano. O valor médio dessas operações é de R$ 1,2 mil.

Segundo o superintendente do diretor de Desenvolvimento Sustentável e Microfinança do Banco, Stélio Gama Lyra Júnior, a orientação empresarial também é importante, pois melhora a capacidade de gestão e contribui para competitividade dos negócios. “As microfinanças constituem fonte de financiamento das atividades produtivas, fortalecendo os negócios e possibilitando aos empreendedores vantagens competitivas na aquisição de mercadorias e insumos”.

Stélio Gama destaca ainda a importância da metodologia do aval solidário, adotada pelo Crediamigo, para o baixo índice de inadimplência.

Sobre o Crescer

Lançado pelo Governo Federal em agosto de 2011, o Crescer visa à inclusão produtiva, oferecendo empréstimos de curto prazo, com taxas de juros de 0,41% ao mês, a empreendedores com renda anual de até R$ 120 mil. É operacionalizado principalmente pelo Banco do Nordeste, Banco do Brasil, Caixa Econômica e Banco da Amazônia. O programa tem como referência o Crediamigo, do Banco do Nordeste.

O limite máximo dos empréstimos é de R$ 15 mil e prazos para pagamento de 12 meses em se tratando de operação de capital de giro e 36 meses para investimento. Para subsidiar a redução dos juros, o Governo Federal assegura aos bancos públicos o aporte de até R$ 500 milhões anuais por meio do Programa.

Sobre o Crediamigo

Operacionalizado pelo Banco do Nordeste, o Crediamigo tem 15 anos de atuação. É o maior Programa de Microcrédito Produtivo Orientado da América do Sul. O Crediamigo faz parte do Crescer - Programa Nacional de Microcrédito do Governo Federal - uma das estratégias do Plano Brasil Sem Miséria.

Assessoria

Régis Brito Follow @regismarllom

Homem é atropelado por moto na avenida principal de Sumé


Na manhã desta segunda-feira (17), um atropelamento foi registrado na avenida 1° de Abril, em frente a panificadora de Juliano, município de Sumé.

De acordo com informações, um homem não identificado, condutor de uma moto, teria atropelado o senhor Heleno Emídio, morador do bairro carro quebrado, município de Sumé.

Heleno sofreu apenas escoriações, e foi socorrido pelo SAMU para o hospital de Sumé, e passa bem.

Com Jacqueline Oliveira

Régis Brito Follow @regismarllom

Estudante confessa ter infectado 324 homens com Aids


Uma aluna no Quénia, revelou ter infectado um total de 324 homens com o vírus Aids. A estudante, que frequenta a Universidade de Kabarak em Nakuru, terá sido infectada por um colega numa festa.

O estudante de 19 anos tem como objectivo, infectar um total de 2000 homens por vingança.

De acordo com relatos:

Terá contactado uma página do facebook alegando que tinha algo a confessar.

Depois de lhe ser assegurada, a não divulgação da sua identidade (pelo "Daily Post", Jornal Queniano, que no entanto, publicou uma foto de seu perfil no Facebook, juntamente com o artigo) ela escreveu:

"A 22 de Setembro de 2013, dia que nunca irei esquecer, fui a uma festa para me divertir com uns amigos mais velhos, acabei por beber um pouco mais e quando dei por mim, já era cedo e estava na cama com um amigo ″.

Então explicou que, quando acordou, na manhã seguinte, percebeu que um amigo chamado Javan tinha tido relações sexuais com ela enquanto ela estava bêbada.

"Só perguntei se ele usou preservativo, o qual me foi confirmado que sim, mas no entanto, quando fui tomar banho, notei restos de esperma na banheira, fiquei perdida, quis suicidar-me pois temia ficar grávida e com o vírus da Aids.."

A estudante quando descobriu que estava infectada com o vírus, questionou o seu colega, o qual lhe disse que não tinha qualquer doença nem estava infectado com o vírus.

"Eu estava tão deprimida que bebi tanto álcool para me matar, até comprei veneno, a dor era insuportável, como eu iria enfrentar o mundo, decepcionei os meus pais, desisti do mundo e só queria acabar com minha vida. O meu futuro tinha sido arruinado, de alguma forma, alguém tinha que pagar,".

"Aceitei o meu destino, e prometi fazer com que todos os homens que eu conhecesse, pagariam pelo sucedido. Sei que sou muito atraente e ambos os homens, casados e solteiros que se aproximem de mim, terão as portas abertas para o sofrimento.

"Enterrei a pessoa que era, e tornei-me má, o meu objectivo era infectar o maior número possível de homens".

A estudante confessou, que já tinha infectado 324 homens, 156 dos quais, são estudantes da Universidade de Kabarak onde estuda, o resto são homens casados, professores, advogados, celebridades e políticos.

"Não passo um dia sem fazer sexo, normalmente com 4 pessoas por dia,"

"O seu dia está a chegar, um homem destruiu a minha vida, e vou fazer com que todos eles paguem por isso"

Régis Brito Follow @regismarllom

domingo, 16 de março de 2014

PB: detentas participam de 1º Concurso Miss Penitenciária

Régis Brito Follow @regismarllom

Detentas do sistema prisional de João Pessoa reuniram-se última sexta-feira para a etapa eliminatória do 1º Concurso Miss Reeducando Paraíba; 28 candidatas participaram da etapa na Penitenciária de Recuperação Feminina Maria Júlia Maranhão; o objetivo é aprimorar a interação humana como forma de desenvolvimento da ressocialização



quarta-feira, 12 de março de 2014

Deputados do Cariri não participam de solenidade do Governo do Estado em Monteiro

Os deputados caririzeiros João Henrique (Monteiro) e Francisco de Assis Quintans (Sumé), ambos do Democratas (DEM) e da base de sustentação do governador Ricardo Coutinho (PSB) na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), não compareceram a solenidade de inauguração de um abatedouro de aves, realizada pelo Governo do Estado, na tarde desta terça-feira (11), no bairro do Mutirão em Monteiro.


A falta mais notada pelos prefeitos, vereadores, lideranças políticas da região e do governo do estado foi a do deputado João Henrique, que é majoritário na cidade e esposo da prefeita Edna Henrique. A Gestora de Monteiro esteve participando do evento, juntamente com o filho Michel Henrique.

Já o deputado Quintans, após a repercussão do fato entre os presentes a solenidade, justificou a ausência afirmando que não compareceu a inauguração do abatedouro simplesmente por que não foi convidado.


Paraíba Mix com Wscom

Régis Brito Follow @regismarllom

segunda-feira, 10 de março de 2014

36 municípios da PB recebem ambulâncias

36 municípios da PB recebem ambulâncias


O governador Ricardo Coutinho entregou, nesta segunda-feira (10), ambulâncias a prefeitos de 36 municípios, de um total de 40 veículos adquiridos pelo Estado, beneficiando cerca de 300 mil habitantes. Quatro unidades já haviam sido entregues anteriormente aos municípios de Araçagi, Arara, Puxinanã e Serra da Raiz. O Governo do Estado, por meio do Pacto pelo Desenvolvimento Social, investiu mais de R$ 5 milhões na aquisição das 40 ambulâncias com padrão das utilizadas pelo Samu. A solenidade de entrega aconteceu na Praça João Pessoa, centro da capital.
De acordo com Ricardo Coutinho, essas ambulâncias vão contribuir com a estruturação da rede hospitalar no Estado. “Nós não podemos ter um hospital de referência em cada uma das cidades, portanto, é importante que as cidades possam ser interligadas com transporte seguro e eficiente para aqueles que necessitem chegar a um hospital”, ressaltou.

Em seu pronunciamento, Ricardo enfatizou que o Estado administra hoje 39 unidades de saúde, das quais 33 hospitais, sem praticamente receber repasses do Governo federal. Ainda assim, por meio do Pacto Social, várias prefeituras estão projetando e construindo unidades de fisioterapia, policlínicas, dentre outros equipamentos e, dessa forma, as parcerias com o Estado asseguram melhor assistência às populações.

O governador acrescentou que o mais importante é que os indicadores sociais na Paraíba estão, gradativamente, sendo elevados nos últimos anos, porque o Pacto Social também investe na construção de escolas municipais e as prefeituras têm ampliado as vagas nas creches e nas unidades escolares como contrapartida solidária.

“O Pacto Social já soma mais de R$ 150 milhões investidos e o mais importante são os resultados. Os indicadores sociais estão melhorando, a Paraíba avançou também nesse aspecto. Nessa parceria se fortalecem e se desenvolvem o Governo e os municípios”, avaliou o vice-governador Rômulo Gouveia.

A prefeita de Salgadinho, Débora Cristiane Farias Morais, em nome dos demais prefeitos, afirmou que os municípios estão conquistando mais dignidade ao receberem as ambulâncias, importante benefício para as populações. Já a prefeita de Monte Horebe, Claudia Dias, informou que o município, no atual governo, já recebeu três ônibus escolares e agora comemora a entrega da ambulância tão necessária à população.


O secretário de Estado da Saúde, Waldson de Souza, destacou que de 2012 até agora o Governo do Estadoadquiriu 60 ambulâncias, sendo 20 para a rede estadual de saúde e agora as 40 para os municípios. E o secretário de Estado do Desenvolvimento e Articulação Municipal, Manoel Ludgério, disse que na área de saúde o Pacto Social, nos dois editais, já disponibiliza mais de R$ 30 milhões para a saúde.

O deputado federal Efraim Filho destacou a iniciativa de incluir a demanda de ambulâncias para municípios no Pacto Social, veículos novos que prestarão serviços essenciais na rede hospitalar. “É uma ação que se soma a outros investimentos na saúde, a exemplo do Hospital Metropolitano de Santa Rita, que teve emenda nossa no valor de R$ 21 milhões e está em construção”, observou. Já o deputado estadual Antônio Mineral afirmou que as ambulâncias têm boa estrutura e circularão pelas novas estradas pavimentadas pelo atual governo.

As 36 ambulâncias entregues nesta segunda-feira foram recebidas pelos prefeitos de Aguiar, Aparecida, Borborema, Caldas Brandão, Camalaú, Caraúbas, Carrapateira, Casserengue, Conde, Coxixola, Cuitegi, Fagundes, Gado Bravo, Imaculada, Itaporanga, Lagoa, Mato Grosso, Monte Horebe, Ouro Velho, Parari, Passagem, Pedra Lavrada, Pilõezinhos, Princesa Isabel, Remígio, Rio Tinto, Salgadinho, São Francisco, São José de Caiana, São José de Princesa, São Sebastião do Umbuzeiro, Soledade, Teixeira, Triunfo, Umbuzeiro e Zabelê.

Ainda prestigiaram o evento os deputados estaduais Hervázio Bezerra, líder do Governo na Assembléia Legislativa, Gilma Germano, João Gonçalves e Lindolfo Pires, os ex-deputados Jeová Campos e Genival Matias, além do secretário Adriano Galdino (Casa Civil), a secretária executiva da Saúde, Claudia Veras, o secretário executivo da Comunicação, Célio Alves, a chefe de gabinete do governador, Estela Bezerra, e prefeitos de outros municípios.

Ônibus - Recentemente, foram entregues 162 ônibus escolares para municípios paraibanos. Em três anos de gestão, o Governo da Paraíba já repassou 585 ônibus para atender a comunidade escolar, sendo 485 destes com recursos próprios, o que representa um benefício direto para quase 67 mil estudantes das redes municipal e estadual de ensino. Os investimentos do governo com transporte escolar chegam a R$ 88 milhões.

Régis Brito Follow @regismarllom

sábado, 1 de março de 2014

Goleiro Bruno assina contrato com time de Montes Claros

Goleiro Bruno assina contrato com time de Montes Claros
Depois de quase quatro anos afastado dos gramados, o goleiro Bruno Fernandes tenta estar, em breve, de volta ao futebol. O atleta assinou nesta sexta-feira (28) contrato com Montes Claros Futebol Clube, do norte do Estado, que joga a segunda divisão estadual.

A informação foi confirmada pelo advogado do jogador, Francisco Simim, que levou a documentação nesta manhã para Bruno, na Penitenciária Nelson Hungria, em Contagem, na Grande BH, onde ele cumpre pena de 22 anos e três meses de prisão pela morte da modelo Eliza Samudio.

No entanto, Bruno depende da autorização da Justiça para trabalhar fora do presídio, já que cumpre pena em regime fechado e já foi punido administrativa duas vezes por brigar com detentos. De acordo com a Lei de Execuções Penais, o condenado em regime fechado pode ser autorizado a trabalhar em obras públicas. O problema para Bruno é que a regra não vale para condenados por crimes hediondos.

O presidente do Montes Claros, Ville Mocellin, confirmou a contratação. Ele alegou que é necessário fechar contrato imediatamente com o atleta devido ao encerramento do prazo para inscrição na CBF (Confederação Brasileira de Futebol) dos jogadores que vão disputar o Módulo 2 do Campeonato Mineiro. Bruno teria fechado um contrato de cinco anos de duração, com salário mensal de R$ 1.430.


A expectativa, de acordo com Simim, é que a situação legal de Bruno seja resolvida nos próximos 20 dias. O defensor afirma que a transferência de Bruno para Montes Claros "está mais ou menos acertada" e que todos os ofícios já foram enviados. A defesa aguarda agora a decisão da Justiça, que vai definir se o atleta poderá, ou não, fazer parte do time. Ele contou ainda que o goleiro comemorou o novo emprego.

—Ele, evidentemente, está muito emocionado e muito satisfeito com a perspectiva de voltar ao trabalho, que é o que ele sabe fazer, é jogar futebol.

Além dos advogados do atleta, um médico também estará presente no momento da assinatura para avaliar as condições físicas de Bruno.

Nova Lima

Recentemente, outra tentativa de transferência de Bruno da penitenciária de segurança máxima para a Apac de Nova Lima, na Grande BH, falhou. A Justiça negou o pedido do jogador por conta de duas faltas disciplinares graves cometidas pelo goleiro. A primeira foi registrada em 12 de julho de 2012. A mais recente, em 12 de abril de 2013, ocorreu durante visita da mulher de Bruno. Ele se irritou com comentários dos presos e os ameaçou de morte, além de discutir com um agente penitenciário. Por conta desta falta, ele perdeu 59 dias trabalhados na unidade prisional.


R7

Régis Brito Follow @regismarllom

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Após 6 anos, patrão e empregado dividem prêmio da Mega

Advogados dividem prêmio da Mega das partes assinam acordo que encerra imbróglio de mais de seis anos Foto: Comarca de Joaçaba / Divulgação

Após mais de seis anos de disputas judiciais, o dono de uma marcenaria e seu ex-funcionário - que disputavam na Justiça quem teria direito ao prêmio de R$ 27.782.053,83 do sorteio 898 da Mega-Sena, de setembro de 2007 - entraram em um acordo e deram fim ao processo

De acordo com o processo, em 2007 o empregado deu uma combinação de números ao patrão com base em seu celular e também a soma de R$ 1,50 para a aposta. Os números foram sorteados e dois bilhetes foram premiados, um em Roraima e, outro, o do "bolão", em Joaçaba (SC), dividindo o prêmio que superava R$ 55 milhões. De posse do bilhete, o patrão sacou o valor de R$ 27,782 milhões na Caixa Econômica Federal e se negou a dar a parte do empregado.

O patrão alegou que a aposta foi feita por um palpite próprio, juntamente com outras apostas na Mega-Sena, na Quina e na Lotomania. O ex-empregado entrou com ação declaratória e pediu indenização por danos morais. Em primeiro grau, foi determinada a divisão do prêmio, cabendo a cada um R$ 13.891.026,91. O Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJ-SC) manteve a sentença, entendendo que o patrão e o ex-empregado haviam se associado para um objetivo comum. O pedido de indenização foi rejeitado. Houve então recurso especial ao STJ, que manteve a divisão do prêmio.

Segundo o Tribunal de Justiça catarinense, com o acordo, assinado no último dia 20, o empregado recebeu R$ 21 milhões, arrecadados de seis contas em nome do empresário e parentes. A Corte afirma que o valor foi liberado para ambos 48 horas após a assinatura do processo. Procurada, a Caixa não informou se o prêmio foi pago até o momento da publicação desta matéria.


Terra

Régis Brito Follow @regismarllom

terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

Brasil registrou 3,2 milhões de casos e 800 mortes por dengue nos últimos 5 anos


Mosquito agora se prolifera tanto em água limpa como suja; temperatura ideal é exatamente a brasileira: entre 24°C e 28°C
Reprodução internet
Vacina ainda não é realidade, e outras formas de controle populacional ainda não deram resultados satisfatórios. A melhor forma de proteção é cuidar do próprio quintal e eliminar águas paradas
O número assusta: nos últimos cinco anos, foram 3,2 milhões de casos de dengue registrados no Brasil, com cerca de 800 mortes. Isso só levando em conta o que foi documentado. “Isso causa tristeza em quem trata de saúde pública, porque são mortes evitáveis”, explica o infectologista e pediatra Kleber Luz, que participou nesta terça (25) do Painel Multidisciplinar da Dengue.

É evitável porque, embora não haja vacina eficaz e remédio específico para a doença, há prevenção contra a proliferação do mosquito vetor. A forma mais eficiente, ainda, é monitorar a própria casa, verificando se não tem água parada em vasos, baldes, pneus, tampinhas de garrafas, ou outros recipientes.

Com um agravante: nos últimos anos, o mosquito se adaptou às condições sanitárias da cidade e não se reproduz mais apenas em água limpa, como era seu costume. Agora, o mosquito consegue se reproduzir em águas poluídas e esgotos. “São Paulo é mais habitável para o mosquito da dengue do que para nós. Criamos todas as condições para o mosquito viver bem aqui”, comenta o infectologista do Dante Pazzanese, Artur Timerman.

A temperatura considerada ideal para o mosquito se proliferar é entre 24ºC a 28ºC, a média de grande parte do território brasileiro. E sua picada não discrimina por classe social. Em São Paulo, por exemplo, o lugar em que há mais incidência de dengue é no Jardim Ângela, bairro periférico da cidade. O segundo lugar, porém, é o bairro nobre Itaim Bibi.

Em condições favoráveis de umidade relativa do ar, temperatura e precipitação, ele ‘pega o chinelo, chapéu e óculos de sol e sai por aí para picar pessoas’, comenta o infectologista Timerman.

Controle do vírus e vetor

Hoje existem quatro subtipos de dengue circulando no País. Há relatos de um quinto tipo, que ainda não chegou por aqui – e não se sabe se ele é realmente forte. A pessoa que foi infectada por um subtipo, se torna imune. O problema é que restam outros subtipos que podem infectar e causar uma forma mais grave de dengue, já que, em alguns casos, o sistema imunológico se confunde com a presença de um novo vírus e se ‘alia’ a ele, atacando o próprio corpo.

A Sanofi-Pasteur está desenvolvendo uma vacina contra a doença, com estudos já na terceira fase, com um grande número de pessoas testando. No entanto, essa vacina parece não ter atingido o objetivo contra o subtipo 2 do vírus da dengue.

Outras pesquisas procuram inibir a transmissão do vírus pelo aedes aegypti. A bactéria wolbachia, presente em muitos insetos, não é natural para o vetor da dengue. Ao inserir essa bactéria nos ovos do aedes fêmea, os ovos resultantes de um cruzamento com um mosquito macho não vingariam. Essa é uma forma que está sendo estudada para tentar controlar a doença.

Por enquanto, a única forma de combater o vírus é eliminando a reprodução do vetor, ou seja, acabando com a água parada, seja ela limpa ou suja.

Régis Brito Follow @regismarllom

EXCLUSIVO: ACIDENTE EM VENTUROSA COM 14 VÍTIMAS FATAIS...TODOS DA CIDADE DE BETÂNIA


Segundo as primeiras informações, uma Sprinter, com placas de Princesa Isabel (PB), capotou, por volta das 20h desta segunda-feira (24), no KM 35, com aproximadamente 25 trabalhadores rurais que viajavam de Betânia (PE) para trabalhar em Cururipe (AL). 


A reportagem da Itapuama FM apurou que entre as vítimas fatais, nove são homens e uma é mulher, ainda sem identificação. Os corpos estão no local do acidente, de onde deverão ser removidos para o IML de Caruaru.

Quatro feridos foram socorridos para a Unidade Mista Justa Maria Bezerra, em Venturosa. Outros seis foram encaminhados para o Hospital Regional de Arcoverde, com possibilidade de transferência para hospitais de Caruaru e do Recife.

As informações foram repassadas pelo Corpo de Bombeiros (Serra Talhada) e Hospital Regional (Arcoverde). Mais detalhes em instantes e nos nossos noticiários: Jornal da Manhã (7h às 7h30) e Notícias Populares (10h45 às 12h), em 99,3 ou pelo site itapuamafm.com

Acidente grave com 14 vitimas agora em venturosa trabalhadores de corte de cana vinham de Alagoas.. Eram trabalhadores de Betânia, 14 mortos,fora os presos nas ferragens,foi na ponte da carrapateira em venturosa. todas as vítimas são da cidade de Betânia - pe
Com informações: Sertânia VIP
Régis Brito

segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

Monteiro é a primeira cidade do Cariri a instalar semáforos

A cidade de Monteiro, localizada no Cariri Ocidental, é a pioneira na região na instalação de semáforos de trânsito, dentro do planejamento de municipalização. Dois pontos receberam a sinalização, um ponto localizado nas proximidades da Praça João Pessoa e segundo ponto no Banco do Brasil, que recebeu sinalização para pedestres e condutores de veículos.

Recentemente, a equipe técnica responsável pelo trabalho de municipalização debateu com setores da comunidade como ficará o funcionamento do trânsito em Monteiro.

Segundo Beatrice Moreira, Secretária de Administração, com a instalação dos semáforos nas vias principais da cidade, o próximo passo será a realização de uma campanha educativa, envolvendo as escolas, órgãos públicos e comunidade em geral, em relação ao funcionamento.

Ela acrescentou que o sistema é um dos mais modernos do mercado, em led, o que contribuirá para uma maior durabilidade e visibilidade para motoristas e pedestres.

O Secretário Municipal de Infraestrutura Ronaldo Borges acompanhou toda a instalação dos semáforos nesse domingo, 23.

Régis Brito Follow @regismarllom

Manchetes